Tipo: MILAGRE EUCARÍSTICO

Santo:Papa Santo Agapito I Data:Ano 536 Local: Grécia

Título :Cura Estupenda

Empreendendo uma viagem para Constantinópla com o intuito de opor-se aos hereges eutiquianos passou por um povoado situado nos limites da Grécia, onde havia um jovem mudo e horrivelmente encurvado, que nunca tinha podido pronunciar uma única palavra nem levantar-se do solo no qual quase se arrastava. Seus Pais, crendo que o Sumo Pontífice poderia curá-lo, se dirigiram pressurosos ao seu encontro, se ajoelharam aos seus pés e, derramando muitas lágrimas, lhe suplicaram que se dignasse remediar os males do seu querido e infeliz filho.
Comovido, o Papa lhes perguntou se tinham fé em que o enfermo poderia recuperar a saúde; responderam que esperassem o remédio da divina Onipotência, por mediação de São Pedro. Então se recolheu o Pontífice, fez oração e em seguida celebrou o santo sacrifício da Missa, ao fim do qual, ao descer do altar tomou a mão do encurvado como fez um dia São Pedro ao que estava na porta do Templo de Jerusalém, e à vista de todo o povo o jovem paralítico se levantou e se pôs a andar. Depois ministrou-lhe a Sagrada Comunhão, e no mesmo instante se lhe soltou a língua e falou, com grande pasmo e admiração dos que presenciaram tão estupendo milagre, que serviu para acrescentar a veneração ao sucessor de São Pedro e a fé no Santíssimo Sacramento. Santo Agapito morreu no dia 17 de abril do ano 536, mas a Igreja honra a sua memória no dia 20 de setembro, em que foram transladados seus restos de Constantinópla para Roma

Fonte: Livro Milagres Eucarísticos do Padre Manuel Traval y Roset S.J.; São Gregório Magno, Diálogo, livro 3, cap. 3